Now Reading: O hype é real e Final Fantasy disputará o GOTY

Loading
svg
Open

O hype é real e Final Fantasy disputará o GOTY

14 de junho de 20236 min read

Poucas vezes uma demo mexeu tanto comigo. São poucas horas, afinal, é uma demo, mas já faz um dia que sigo pensando sobre o que joguei. Final Fantasy XVI, amigas e amigos, disputará o Game of the Year (GOTY).

Antes de começar a falar sobre a demo, é preciso dizer que ela se divide em duas partes. Ambas interessantes. Contudo, destaco que a primeira consegue ser mais interessante que a segunda.

É na primeira parte que está o desenho da história do jogo em mais detalhes. Os personagens que nos cativarão são melhores apresentados e desenvolvidos aqui. Além disso, boa parte da megalomania épica reside na primeira parte da demo. À segunda, cabem as diversas emoções das batalhas.

Ou seja, os trechos jogáveis da demo possuem funções distintas. E seja qual for a sua escolha inicial entre os dois trechos jogáveis, estaremos no controle de Clive Rosfield, o protagonista. Ao longo de quase 100% da demo, com uma única exceção, encarnaremos ele.

O JOVEM CLIVE E SUA JORNADA DO HERÓI

No começo de Final Fantasy XVI, para quem não optou por começar pelo Desafio Eikônico, iremos jogar, ainda que brevemente, com o veterano Clive.

O trecho serve para que possamos nos deslumbrar, entre outras coisas, com os titãs em cena. Com inspirações em Shingeki no Kyojin (Ataque dos Titãs) para o design dos titãs, o jogo quer nos impactar — e impacta — logo em seu início.

Ao fim do prólogo, o jogo nos convida a vivenciarmos a melhor adaptação de Game of Thrones para os videogames até hoje. Surpreendentemente, tudo que vem após, deixa de lado a palavra inspiração e abraça a cópia quase fiel do universo e da briga pelo trono de ferro.

Clive, portanto, é Jon Snow. Seu pai, o arquiduque de Rosaria, é o Ned Stark de FFXVI. Já Joshua, o inocente irmão cinco anos mais novo de Clive, é o equivalente na história ao que foi Bran, em GOT.

Estas três figuras possuem distintos níveis de importância dentro daquele ducado. Enquanto o arquiduque, até por sua posição, é respeitado no campo diplomático e nas batalhas, Clive é respeitado pelo pai e ignorado pela mãe. Ela dá indícios claros da sua preferência por Joshua, o Dominante da Fênix de sua família.

Dessa forma, ao não ser o Dominante da Fênix, Clive tornou-se o Primeiro Escudo de Rosaria. Nesta função, ele é o protetor de Joshua. Além disso, mesmo não sendo o Dominante, foi abençoado pelo fênix para usar parte das suas chamas.

Em se tratando de vestir as roupas e calçar os sapatos de Game of Thrones, FFXVI vai mais além. Dos lobos às intrigas palacianas, o sexo, os palavrões e muito mais, está tudo no jogo.

O VETERANO CLIVE E SUAS DORES

Em Desafio Eidônico, o segundo trecho jogável de Final Fantasy XVI, voltaremos a controlar Clive. Dessa vez, um Clive bem mais velho e que experimentou muitas dores. Tais dores, e algumas foram vistas no primeiro trecho da demo, foram cruéis com Clive.

Nesta segunda parte, a demo se volta para a ação. Sai a ambientação mais diurna e colorida, entra a mais noturna e sombria.

Após 13 anos de reclusão, Clive é solto por Cid, que indica a possibilidade de achar os culpados por algo trágico do passado de Clive. Sem pensar duas vezes, Clive abraça o perigo à frente.

Com mais foco na ação, o novo trecho é repleto de batalhas em salas e corredores no novo local.

Clive, no trecho, possui mais eikons disponíveis para serem utilizados, que acrescentam novas dinâmicas aos confrontos.

O QUE ACHEI DA DEMO DE FINAL FANTASY XVI

Durante a minha experiência com a demo de FFXVI, tive uma impressão que agora compartilho com vocês. Em resumo, por haver um prólogo dentro do primeiro trecho jogável e o segundo terminar da forma como termina, o jogo pareceu dar um recado: “você não perde por esperar!”

Contudo, ainda não é o jogo final e, obviamente, tanto é uma demo como é uma peça de marketing que está tentando nos vender um produto. Por isso, se FFXVI fosse um vendedor, ele seria aquele que sempre bate as metas e é o orgulho da loja/empresa, pois conhece seus clientes e sabe como se portar diante de um comprador em potencial.

De olho no calendário, pois Final Fantasy XVI será lançado no próximo dia 22 de junho, somente para Playstation 5.

O jogo promete ser um ponto de virada para a franquia. Estamos no aguardo e ansiosos.

svg

What do you think?

Show comments / Leave a comment

Leave a reply

Loading
svg